Crítica. NOTA 0? ou NOTA 10?


Crítica: NOTA 0? ou NOTA 10?


 

 NOTA 0!

 

À DIREITA e À ESQUERDA BRASILEIRA:

 

Da Redação,

conteúdo adicionado às 12:58, de 03/12/2019

Nota 0 à ambas, à direita e esquerda brasileira!

Ao invés de solucionarem os reais problemas de nosso país, gastam tempo, energia, dinheiro e vidas; dando poder à discórdia, à discussão ao invés de buscarem soluções concretas em nossa sociedade e realidade atuais!

Tem sido dias de desentendimentos e incertezas, infelizmente!

E, o pior, quem verdadeiramente perde com isso é a população brasileira, quando necessita dos serviços públicos a que tem direito mas; não os têm!

Enxerguemos a realidade: tanto direita quanto a esquerda já estiveram no poder e tiveram tempo o suficiente para realizarem toda e qualquer mudança necessária em nosso país. Se não o fizeram, não foi por falta de tempo.

Faz-se ressaltar que nosso Portal Campo e Cidade, não considera o atual governo como caracterizado de "direita brasileira" pois, nenhum governo anterior retrocedeu tanto nos direitos civis gerais do cidadão.

 

.... Relacionado está: Descobrimento do Brasil e EUA

Descobrimentos do que já existia?

Muito se fala sobre o "descobrimento de continentes e países, como se nesses locais jã não existissem habitantes.

Na América do Norte, por sua vez, os EUA, simplesmente um grupo de capachos que vieram da Europa e invadiram a America do Norte, mataram milhares de tribos indígenas com a sua sanguinária sede de poder e terras.

Depois.... 

Na América do Sul o tal de "Descobrimento do Brasil", que podemos chamar de matança dos povos indígenas que aqui viviam, antes desta atual e duradoura colonização que; já foi portuguesa, holandesa, espanhola, voltou à coroa de Portugal e atualmente está se tornando uma colônia dos Estados Unidos da América.

Mas o que tem haver o descobrimento do Brasil com nossa atual vivência?

Tudo anteriormente dialogado!

O que muda em terras tupiniquins? 

Muita coisa... de acordo com o patrão do Brasil Colônia!

 


 NOTA 0!

ao Sr. Jair Messias Bolsonaro:

Da Redação,

conteúdo adicionado às 09:50, de 03/12/2019

Nota 0 à má gestão presidencial, exercida nesses 12 meses de desgoverno, pelo excelentíssimo Sr. Jair Messias Bolsonaro; que tem vendido os patrimônios naturais de nossa nação, assinando MPs/Medidas provisórias em prol do agronegócio e garimpo na região amazônica. Como se não bastasse, colocou a culpa  das queimadas e do desmatamento nos índios, Ongs e reforma agrária. 

Não  satisfeito, tem feito privatizações em todas as esferas governamentais e, vendido nossas estatais para os especuladores do mercado financeiro global, à preços tão baixos que podemos dizer que são negócios de... "pai pra filho" de tão barato que tem sido comercializado nosso patrimônio nacional.

Reforma da Previdência?.. o! 0! 0 x 0! 

Porque não fazem a Reforma Política e Tributária tão necessárias para o real desenvolvimento de nosso Brasil?

 

 


Veja mais na Coluna do Wilker Campos: https://portalcampoecidade.com.br/coluna-do-wilker-campos

 


04/07/2019

 

Nota 0!

 

 

Nota 0, para as manobras em curso, para aprovar uma Reforma da Previdência, não benéfica para a maioria da população brasileira!

 

por José Fabiano

 

 


VOLTAMOS!

 

FICAMOS SEM ATUALIZAÇÕES POR DOIS ANOS.

a

O PORTAL CAMPO E CIDADE, VOLTOU ÀS ATIVIDADES A PARTIR DO DIA 14 DE JUNHO DESTE ANO DE 2019!

 

É COM ALEGRIA E ENTUSIASMO QUE, VOLTAMOS ÀS ATIVIDADES DA COMUNICAÇÃO HUMANA E SOCIAL!

 

 


 

18/09/2015 > Crítica. NOTA 0 ou NOTA 10?

Por José Fabiano  

Nota 10!

À decisão do Supremo Tribunal Federal, definida na quinta-feira, 17, proibindo o financiamento privado de campanhas políticas.

Entretanto, a polêmica sobre o assunto não está encerrada uma vez que na semana passada a Câmara dos Deputados aprovou um projeto de lei para regulamentar as contribuições, conforme defende o presidente da casa; Eduardo Cunha (PMDB/R.J).

O texto aguarda decisão da presidenta Dilma Rousseff sobre sanção ou veto. Se a presidenta sancionar a lei, será preciso uma nova ação para questionar a validade das doações no Supremo.

Esperamos que a presidenta Dilma Rousseff mantenha a proibição ao financiamento privado de campanhas políticas, que estaria de acordo com a vontade do Supremo Tribunal Federal e; mais condizentes com os anseios de toda a sociedade brasileira a respeito deste assunto.

Errata: No penúltimo parágrafo do texto dissemos: adoções, quando na verdade a palavra para a frase em questão é: doações.


 

04/09/2015 - às 00:38:50 Por José Fabiano

NOTA 0!

Ao presidente da Câmara dos Deputados, Sr. Eduardo Cunha (PMDB-RJ), ao afirmar na quarta-feira, 03 de setembro, que pretende modificar a decisão do Senado e restabelecer, no projeto de reforma política; a autorização de doação de empresas a partidos.


No Senado, a proposta de permanecer o financiamento de empresas privadas para campanhas e partidos, foi derrubada por 36 votos contra 31. Postura bastante diferente, do então Sr. Eduardo Cunha e seus deputados, que anteriormente reprovaram o projeto, no dia 25 de maio deste ano e pretende seguir à diante com o veto.


Há todos os cidadãos e cidadãs, evidencia-se que estando os deputados no poder, os mesmos não vão votar a favor de um projeto que pode, num futuro breve, os prejudicar.


Mais claro fica que a maioria de nossos deputados não estão preocupados com a população. Pensam em si mesmos e  nos cofres de seus partidos uma vez que uma grande maioria também são a favor do financiamento privado.

No caso específico, NOTA 0 também ao nosso poder legislativo.

 


 

Crítica. NOTA 0 ou NOTA 10?

Por José Fabiano - Atualizado em 22/08/2015

Nota 10!

 

À manifestação organizada pela CUT, Centrais Sindicais, MTST, Movimentos Sociais, Agrários e Urbanos, dentre outros; que fizeram ato a favor da Presidenta Dilma Rousseff e contra o impeachment da mesma, durante toda a quinta-feira, 20.

Este ato também merece Nota 10 pela mobilização e envolvimento de inúmeras entidades sociais e a não incidência de violência; como naturalmente deve ser. Também, mesmo sendo um ato em prol do governo Dilma, os manifestantes não deixaram de criticar a política econômica imposta nos últimos meses aos brasileiros.

Da mesma maneira que mereceu nota 10 o manifesto do dia 16 de agosto, pela organização e protesto direto e ocorrido de forma pacífica, ambos separam-se porque um pedia o impeachment e o outro a continuação do mandato da presidenta. Entretanto, os dois protestos falaram a mesma língua; no quesito insatisfação  com a economia. 

Frutos da democracia, instalada no Brasil após a queda da ditadura militar, as manifestações pacíficas só tem a contribuir para o crescimento e, fortalecimento da mesma. O RevistaCampoeCidade não concorda apenas, com a ideia de impeachment por achar que o país tem mais a  perder do que a ganhar caso isso ocorra.

 


 

Por José Fabiano - Atualizado em 19/08/2015

Nota 10!

Ao ato democrático ocorrido no último domingo, 16, de forma pacífica, em várias capitais e cidades deste nosso imenso Brasil; onde centenas de milhares de cidadãos brasileiros protestaram contra a corrupção em nosso país.

No entanto, o RevistaCampoeCidade, apenas não compartilha da ideia de impeachment, independente de quem a tenha criado ou a esteja promovendo; por achar realmente que seria um retrocesso em nossa democracia.

 


 

Crítica. NOTA 0 ou NOTA 10?

Por José Fabiano - Atualizado em 27/03/2015


Nota 0. Para os atos cometidos por servidores públicos, presos na Operação Zelotes, deflagrada na quinta-feira 26/03, que investiga esquema de corrupção no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), no Ministério da Fazenda.

Segundo a Polícia  e a Receita Federal brasileira, o rombo aos cofres públicos podem ultrapassar os R$ 20 bilhões. É amigos e amigas leitores (as); estarrecido também estou! Com a Operação Zelotes, a Operação Lava-Jato, que investiga esquema de corrupção na Petrobrás, tornou-se "fichinha".

É tanta grana alimentando a corrupção que assim, de fato; não sobra: para nossa saúde, para educação, trabalho e segurança para milhões de brasileiros. Acorda povo brasileiro. A corrupção destrói vidas reais.

 


 

Crítica. NOTA 0 ou NOTA 10?

Por José Fabiano, 21 de março de 2015.


Nota 10! Aliás, NOTA MIL! Para a positiva atitude do então Primeiro-Ministro de Israel, o Sr. Benjamin Netanyahu, que, na data do dia 20 deste mês de março, voltou a falar na possível Criação de um Estado Palestino, em uma entrevista ao Canal MSNBC. Mesmo ainda - sem uma decisão final - só o fato de começar haver um diálogo entre Israel e a Palestina, o mundo, eles e todos do planeta temos muito a ganhar. É Jesus Cristo na causa, e que dê tudo certo, amém!

 


Crítica. NOTA 0 ou NOTA 10?


Nota 0! Para a então postura do Primeiro Ministro de Israel, o Sr. Benjamin Netanyahu, que disse às vésperas da eleição em Israel, na terça-feira, 17 de março; que seria contra a criação de um Estado Palestino. Tal afirmação contraria todo e qualquer acordo de paz em um conflito que começou antes mesmo da vinda do Cristo Jesus, o Salvador de todos nós!

 

Por José Fabiano